lide liquido

Duo cearense de arte urbana embarca em intercâmbio cultural no Oriente Médio

Terezadequinta e Robézio, Acidum Project. Foto: Divulgação

Acidum Project completa 15 anos de atuação com múltiplas ações, dentre elas o roteiro de arte urbana no Líbano, no Egito e em Israel.

Os artistas cearenses do Acidum Project, Terezadequinta e Robézio, viajam neste mês para o Oriente Médio, a convite da Embaixada do Brasil em Beirute (Líbano). O projeto de arte pública marca a ação diplomática entre Brasil e países da região. As intervenções artísticas iniciam com um mural a ser realizado em uma parede lateral de um edifício de 9 andares, cerca de 27 metros de altura, e será executado em parceria com artistas locais e com a agência Iibanesa ”Art of Change”. Além do Líbano, o duo que completa 15 anos de atuação estará ainda em projetos no Cairo, capital do Egito, e também no interior deste país, e em Israel.

“Estamos empolgados para essas conexões, são locais com cenas efervescentes. O convite da Embaixada demonstra o reconhecimento da arte urbana como meio e mensagem. Deixaremos um legado brasileiro de impacto visual em um local que passa igualmente a nós por um cenário pandêmico caótico. A peculiaridade da empena escolhida pro mural fica na área portuária onde ocorreu a trágica e enorme explosão em Beirute”, explica Robézio.

Segundo o artista, o grafite e a arte urbana têm ganhado destaque no país e despontam como meio de expressão social.

Terezadequinta e Robézio. Foto: Arquivo.

O primeiro mural é o da capital libanesa e será feito em parceria com o artista local Renoz. “Rodamos o mundo fazendo muralismo, intervenções, falas e divulgando nossa cultura, usando técnicas diversas e inspirações que se misturam e se adaptam a influencias de cada local que estamos. É a nossa conexão que faz o conceito da obra. O mural de Beirute irá reverberar e trazer coisas positivas no momento da execução e por muito tempo. É sempre assim, anos depois percebemos frutos nascendo de projetos, porque a arte urbana pulsa mesmo com o passar dos anos”, comenta Terezadequinta.

O Acidum Project tem, ainda em julho, agendas no Egito e em Israel.

Em 2021, ano de comemoração dos seus 15 anos de atuação, Tereza e Robézio mostraram a potência das suas múltiplas ações culturais. Em junho, criaram o projeto visual da capa do álbum do pianista pernambucano Amaro Freitas. Além das ações de muralismo no Oriente Médio, terão obras em exposições no Brasil e no mundo.

%d blogueiros gostam disto: