Agenda Cultural

Festival Jazz & Blues 2021 inicia programação com Residências Artísticas

O guitarrista Hermano Faltz ministrará minicurso de guitarra nas Residências Artísticas do Festival Jazz & Blues 2021. Foto: Divulgação.

A 22ª edição do Festival será realizada ao longo do ano de 2021 com programação online e presencial.

As Residências Artísticas do Festival Jazz & Blues 2021estão com inscrições abertas entre os dias 21 a 26 de janeiro pelo site do Festival Jazz & Blues (www.jazzeblues.com.br). O projeto de formação artística e cultural visa a qualificação profissional de músicos cearenses do nível básico ao avançado, permitindo que os estudantes de música criem percursos formativos, com aulas e outras atividades práticas e teóricas, principalmente no campo da música instrumental.

As inscrições são gratuitas e os minicursos são destinados ao público em geral, especialmente jovens de 14 a 24 anos e estudantes da rede pública de ensino do Ceará. São disponibilizadas 50 vagas para cada um dos nove minicursos (450 vagas no total), com 8 horas de duração cada. Somando às mesas-redondas, serão 80 horas de atividades formativas, além das apresentações de professores e alunos no canal do festival no YouTube.

As atividades serão realizadas de forma totalmente on-line, de 08 a 11 de fevereiro. Com exceção dos minicursos, que serão fechados para inscritos, as demais atividades (mesas-redondas e apresentações) serão transmitidas no canal do festival no Youtube (jazzebluesce).

Junto com a abertura das inscrições no dia 21 de janeiro, será realizada uma live com apresentação musical dos professores, às 20 horas, direto do Porto Dragão, em Fortaleza, com transmissão no canal do Festival Jazz & Blues no YouTube: jazzebluesce.

Minicursos

Nas Residências Artísticas serão oferecidos os seguintes minicursos: Guitarra, com Hermano Faltz; Prática de instrumentos de sopros, com Thiago Rocha; Contrabaixo, com Pedro Façanha; Técnica Vocal, com Aparecida Silvino; Bateria, com André Benedecti; Piano Popular, com Thiago Almeida; Violão Popular, com Letícia Marram; Harmonia Popular e improvisação, com Stênio Gonçalves; e Teoria e leitura musical, com Amanda Nunes.

Das 10h às 12h acontecerão os minicursos de Guitarra, Prática de instrumento de sopros, Contrabaixo e Técnica vocal. Das 14h às 16h as atividades de Bateria, Piano popular e Violão popular. Das 16h às 18h serão realizados os minicursos de Harmonia Popular e improvisação e de Teoria e leitura musical, possibilitando que os alunos dos minicursos técnicos também possam participar destas duas atividades teóricas.

No dia 27 de fevereiro, no canal do festival no YouTube, será exibido o resultado dos minicursos com a interpretação de “Caminhar” (Luizinho Duarte) e “Pavão Misterioso” (Ednardo) por alunos e professores.

Para participantes com deficiência visual, o texto do material didático será disponibilizado em PDF, permitindo a leitura em aplicativos e softwares específicos. Para alunos surdos, haverá intérpretes de Libras.

A cantora Aparecida Silvino ministrará um minicurso de Técnica Vocal. Foto: Divulgação.

Mesas-Redondas

À noite, das 19h às 21h, também de 8 a 11 de fevereiro, como parte da programação das Residências Artísticas, o Festival realizará mesas-redondas com transmissão ao vivo no canal do festival no YouTube.

Temas e participantes das mesas-redondas:

08/02: Música na pandemia: reflexão e pensamentos sobre o lugar da música hoje e em um contexto de pós-pandemia. Palestrantes: Marisa Fonterrada (UNESP) e Luiz Botelho (UFC). Mediador: Pedro Rogério (UFC).
09/02: Circuito da Música: Equipamentos, espaços, festivais, editais. Como circular. Palestrantes: Dalwton Moura, João Wilson e Lenildo Gomes. Mediadora: Maria Amélia Mamede.
10/02: Direitos autorais e direitos do músico: cachês, couvert, sindicato, OMB. Palestrantes: Amaudson Ximenes e Felipe Radicetti. Mediadora: Cecília Rabelo.
11/02: Aceleração artística e gerenciamento de carreiras: Plataformas, comunicação, anúncio e impulsionamentos, meios de resistência e divulgação da música. Palestrantes: Tiago Araripe e Marianna Leporace. Mediador: Heriberto Porto (UECE).

SERVIÇO:

Festival Jazz & Blues 2021 – Residências Artísticas
Inscrições abertas de 21 a 26 de janeiro para os nove minicursos que serão realizados de 08 a 11 de fevereiro de forma online. Inscrições gratuitas pelo site http://www.jazzeblues.com.br.
Total de vagas: 50 por minicurso.
Live de abertura das inscrições – Apresentação musical dos professores no dia 21, às 20h, ao vivo direto do Porto Dragão, com transmissão no canal do Festival Jazz & Blues no Youtube: jazzebluesce. Duração: 50 minutos.
Mesas-redondas – De 8 a 11 de janeiro, das 19h às 21h, no canal do Festival Jazz & Blues no youtube.
Exibição dos Resultados dos minicursos: Dia 27 de fevereiro no canal do Festival Jazz & Blues no Youtube.

O projeto Residências Artísticas do Festival Jazz & Blues 2021 é uma realização da Via de Comunicação e Cultura, com apoio do Porto Dragão, Instituto Dragão do Mar e Governo Federal, através da Lei Aldir Blanc. Patrocínio: Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult).

2 comentários em “Festival Jazz & Blues 2021 inicia programação com Residências Artísticas

%d blogueiros gostam disto: