Alagoas lide liquido

Secretaria de Cultura anuncia edital de incentivo para artistas alagoanos

A Secretaria de Cultura de Alagoas (Secult/AL) realizou na tarde desta sexta-feira (3), uma live no Instagram para anunciar um edital direcionado a artistas alagoanos.

O edital, intitulado de ”Festival Dendi de Casa Tem Cultura”, busca selecionar conteúdos digitais de artistas alagoanos que atuam nas áreas de artes cênicas (performance solo, duo ou grupo), música, literatura, contação de histórias, oficinas, dentre outros.

A live teve início às 14:05, na qual a titular da pasta, Mellina Freitas, o Superintendente de Apoio à Produção Cultural, Paulo Poeta e o técnico Cadu Ávila esclareceram para o público como será o funcionamento do certame, que tem a previsão de selecionar cerca de 300 artistas.

Mellina Freitas, secretária de cultura de Alagoas, destaca que o projeto está em tramitação na Procuradoria Geral do Estado, para que seja emitido o parecer jurídico. A expectativa é que o edital seja lançado nos próximos dias. “Nosso intuito é, além de gerar renda para esses artistas, oferecer arte e cultura gratuita à população durante o período da quarentena causada pela Covid-19, incentivando as pessoas a ficarem em casa”, afirma.

A live desta sexta, que durou 28 minutos, contou com a participação de quase 300 pessoas e detalhou que o projeto representa uma ação de emergência para a classe artística alagoana. “É uma alternativa para o segmento cultural que foi diretamente atingido, então estamos buscando ampliar esse edital para atender o maior número de artistas possível. Onde os artistas de diversas naturezas possam se inscrever pela internet e produzir seu conteúdo digital”, destacou Paulo Poeta, Superintendente de Apoio à Produção Cultural, que encabeça o projeto.

As inscrições para o edital podem ser realizadas de maneira individual ou em grupo e as apresentações devem ser feitas no formato de “lives” nos perfis dos contemplados. Ao todo, o projeto deve contar com um financiamento de R$ 300 mil reais.

Em sua fala, Mellina Freitas mencionou ainda que a arte, a cultura e a economia criativa são responsáveis por quase 7% do Produto Interno Bruto (PIB), e por isso, é importante apoiar as atividades culturais do Estado. “Tínhamos uma programação cultural para todo o ano de 2020 e estamos impedidos, mas estamos reorganizando nosso planejamento e pensando em outras alternativas”, explica.

Segundo a secretária de cultura, depois que passar o período da quarentena, a programação divulgada anteriormente continuará. A exemplo dos editais literários, todos os demais estão sendo republicados com novos prazos, para não prejudicar ninguém.

O público também participou da live fazendo perguntas. Uma das perguntas foi se o setor Audiovisual seria contemplado pelo projeto. Paulo Poeta respondeu que não, pois já existe edital específico para sair nos próximos dias via Agência Nacional do Cinema (Ancine). “Ele está em vias de aprovação e será um edital específico para o Audiovisual. Nesse edital de agora também não serão contempladas as Artes Plásticas, mas, com certeza, será na próxima edição”, finaliza.

O destino a fez jornalista, afinal a única coisa que sabe fazer bem é contar estórias. Ela podia estar fazendo terapia para se tornar uma pessoa melhor, mas escolheu o jornalismo como divã para lidar com as aventuras e desventuras da vida. Ana Cecília (Maceió-AL) também é mestranda em Antropologia Social e tem interesse pelo estudo das dinâmicas urbanas e seus significados.

1 comentário em “Secretaria de Cultura anuncia edital de incentivo para artistas alagoanos

%d blogueiros gostam disto: